Arouca falou sobre o racismo a revista Palmeiras, antes do clássico!

Entrevista antes de clássico traz Arouca descrente sobre racismo

Vítima de injúria racial por meio de uma rede social após a derrota do Palmeiras por 2 a 1 para o Santos, na Vila Belmiro, o volante Arouca, coincidentemente, comentou sobre o assunto em entrevista à revista oficial do clube, publicada neste mês e fechada no dia 2 de março. Questionado em relação aos frequentes casos de racismo no futebol brasileiro, o jogador disse que “isso tem sido normal” e que “enquanto não tiver uma punição para essas pessoas ignorantes que não têm educação, esses atos vão continuar acontecendo”.

 

Arouca já havia sido vítima de um caso semelhante quando ainda jogava pelo Santos, em partida contra o Mogi Mirim, no interior de São Paulo. Na oportunidade, em março do ano passado, o volante foi chamado de “macaco” após goleada por 5 a 2 aplicada pelo Peixe, e também se mostrou desconfortável para comentar o caso, dizendo que a melhor resposta seria o silêncio. Desta vez, tratou o caso como “lamentável”.

 

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post