Em meio a elogios, Oswaldo vibra com Gabriel Jesus na seleção sub-20

Em meio aos elogios, o comandante viu com bons olhos a primeira convocação do atleta para servir à seleção sub-20 em abril.

Após entrar em campo pela sexta vez seguida no Paulistão, no último domingo, diante do Red Bull, o garoto Gabriel Jesus novamente ficou muito perto de balançar as redes pela primeira vez no elenco profissional. Como já aconteceu em outros jogos, o atacante foi a campo no segundo tempo e protagonizou lances de perigo, deixando o técnico Oswaldo de Oliveira satisfeito.

Prestes a completar a maioridade, o que acontecerá no fim desta semana – sexta, dia 3 – Gabriel é a mais nova preciosidade do clube alviverde, e, apesar da euforia que desperta na torcida, precisa ser lapidada aos poucos pela comissão técnica. Chamado para a disputa de um torneio na Áustria, entre os dias 6 e 18 de abril, o jovem ficará fora de parte das fases finais do Paulistão, fato que não incomoda Oswaldo, pelo contrário.

“Não vou perder, vou ganhar. Isso é mérito dele e faz parte de sua formação. Ele vai ser muito bem encaminhado para a seleção. E tenho certeza de que vai ser muito bem-vindo lá, vai ser uma experiência importantíssima para ele, então não vejo nenhuma perda com isso. Só vamos ganhar com a ida dele para a seleção brasileira”, comentou o técnico, valorizando a nova experiência do pupilo.

Diante do Red Bull, Gabriel Jesus substituiu Cristaldo no segundo tempo – alteração que vem sendo repetida nos últimos cinco jogos – e quase marcou com poucos minutos em campo, após dominar dentro da área e ser travado pela marcação. Pediu bola, sofreu faltas, ensaiou dribles e provocou cartões. Não balançou as redes por detalhe. Acostumado a ouvir pedidos, por vezes ensandecidos, para colocá-lo em campo, Oswaldo não repetiu as críticas que fez ao time, sobretudo pela atuação no primeiro tempo, ao jovem.

“É um garoto que está progredindo e vem entrando gradativamente. Ele lutou bastante e criou boas oportunidades de gol, ele vai crescendo”, comentou. Gabriel, após a derrota em Campinas, analisou a atual fase como sendo um momento de aprendizagem. “Quem está entrando, vai resolver. Se ele (Oswaldo) opta por quem está jogando, é porque acredita em todos e eles dão conta do recado. Meus companheiros são muito capacitados, para mim, é um aprendizado muito bom”, avaliou o camisa 33.

O garoto chegará ao comando de Alexandre Gallo com recém-completados 18 anos, mas tendo certa experiência no que diz respeito à grande área. Artilheiro desde a base, Gabriel Jesus começou a ter seu nome repetido pela torcida após a artilharia do Paulista sub-17, em 2014, quando fez 37 gols em 22 jogos. Em sua primeira Copinha, disputada em janeiro, foi um dos artilheiros da equipe com cinco gols em seis partidas, e, logo após o fim do torneio júnior, foi promovido ao elenco profissional.

Gabriel Jesus tem entrado constantemente no time do Palmeiras, participando dos últimos 6 jogos. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Gabriel Jesus tem entrado constantemente no time do Palmeiras, participando dos últimos 6 jogos. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Fonte: ESPN

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post