Grato à torcida, Cleiton Xavier busca coroar retorno ao Verdão com título

Meia estreia na fase final do Campeonato Paulista, ganha espaço rapidamente e chama responsabilidade em busca de primeira taça pelo Palmeiras

Cleiton Xavier busca sucesso na segunda passagem pelo Palmeiras (Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Cleiton Xavier busca sucesso na segunda passagem pelo Palmeiras (Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)

Cleiton Xavier foi confirmado como 19º reforço do Palmeiras no dia 5 de fevereiro, minutos antes do jogo contra a Ponte Preta, pela segunda rodada do Campeonato Paulista. A burocracia envolvendo a documentação de transferência do Metalist, da Ucrânia, para o Verdão, não permitiu que ele fosse inscrito a tempo de disputar a primeira fase do estadual.

Foram longas semanas treinando e aprimorando o condicionamento físico para reestrear pelo clube. Decisivo na semifinal contra o Corinthians, o meio-campista é uma das armas do técnico Oswaldo de Oliveira para o primeiro jogo da final, diante do Santos, neste domingo, às 16h (horário de Brasília), no Allianz Parque.

Os primeiros minutos na volta ao Palmeiras foram no fim da vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo-SP, pelas quartas de final do Paulistão. Uma simples troca de passes entre Cleiton e Valdivia levou a torcida ao delírio.

O agradecimento dos alviverdes aumentou diante do Corinthians, em Itaquera, quando o meia entrou no lugar de Lucas no intervalo e reorganizou a criação da equipe, aumentando a pressão sobre o arquirrival e fazendo com que o Verdão chegasse ao gol de empate e forçasse a decisão por pênaltis – na qual, aliás, ele converteu sua cobrança.

– Estou me sentindo bem melhor. Quando cheguei aqui, estava há muito tempo sem jogar. Agora, nas duas partidas em que atuei, nesse último jogo um pouco mais, me senti bem melhor e com mais ritmo – afirmou

No último treino aberto à imprensa antes do jogo de ida da final, domingo, contra o Santos, Cleiton Xavier foi escalado entre os titulares do Palmeiras. Deverá ser seu primeiro como titular desde o retorno – e o 92º com a camisa alviverde, levando-se em conta a passagem pelo clube entre 2009 e 2010. Um período relativamente curto, mas que fez o alagoano de São José da Tapera se apaixonar pelo Verdão.

– A torcida foi um fator determinante para a minha volta, junto com o Palmeiras e os esforços que fizeram para eu poder voltar. O carinho e a recepção foram os melhores possíveis. Eu sempre disse que queria um dia voltar e vestir novamente a camisa do Palmeiras. Coincidiu que eu quis voltar, senti que estava na hora, e justamente com essa proposta ficou mais fácil.

Sobre a possível parceria com Valdivia, o meio-campista foi claro: não vê nenhum impedimento em atuar ao lado do chileno, e não como concorrente dele no elenco. Tudo dependerá das escolhas de Oswaldo de Oliveira. Defensivo, ofensivo, armador, ponta… Cleiton está à disposição e quer ajudar o Palmeiras neste momento de reformulação.

– Dá para jogar (com o Valdivia), sem dúvida. Estamos aqui para ajudar. Vai depender do Oswaldo. Ele pode optar por mim, por ele ou pelos dois juntos. Com certeza vamos fazer o melhor para o Palmeiras – afirmou.

– Eu não tenho preferência nenhuma (por posição). Óbvio que sempre joguei no meio, às vezes trabalhava um pouco mais atrás, um pouco à frente, mas se precisar jogar em outra função, para ajudar o time, estou à disposição.

Assim como o goleiro Fernando Prass afirmou anteriormente, Cleiton Xavier acredita que o Palmeiras chegará ao seu nível ideal somente no Campeonato Brasileiro. Mesmo com o Verdão na busca pelo título paulista, o meia citou o forte elenco montado para a temporada e a maior utilização de outros jogadores na competição nacional. O que importa, para ele e os companheiros, é que o time continue brigando no topo.

– Isso mostra a evolução da equipe, que estamos no caminho certo. Os jogadores que vieram foram escolhidos a dedo. É lógico que não está todo mundo 100% entrosado, mas estamos mostrando as qualidades individuais. Tem jogadores que nem estrearam. Para que todo mundo esteja bem, vai demorar um pouco. Acho que no Brasileiro vamos estar bem melhores – projetou.

Cleiton Xavier acredita em parceria com Valdivia no Palmeiras. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Cleiton Xavier acredita em parceria com Valdivia no Palmeiras. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Fonte: Globoesporte

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post