Palmeiras “esquece” arbitragem e prevê bom clássico em Itaquera

No sábado, gol mal anulado da Ponte Preta favoreceu o Corinthians. Palmeirenses evitam polêmica para semifinal: “Não há razão para ficar falando disso”, diz Valdivia

O desempenho dos árbitros nas quartas de final do Campeonato Paulista foi muito questionado. No sábado, um gol mal anulado de Renato Cajá acabou prejudicando a Ponte Preta na partida que deu ao Corinthians a classificação. No domingo, pênaltis não marcados incomodaram os palmeirenses que lotaram o Allianz Parque para ver a vitória alviverde contra o Botafogo (SP). Mas tudo isso já faz parte do passado.

Questionados se a arbitragem seria motivo de preocupação para o Palmeiras em Itaquera, no domingo, os jogadores evitaram polêmica e defenderam o desempenho dos juízes na fase final do torneio.

– Temos de deixar a arbitragem tranquila. Eles treinam muito e se preparam como nós nos preparamos. Não vamos começar a botar fogo no domingo em um jogo que será só na semana que vem. Não há razão para ficar falando da arbitragem – disse Valdivia.

– Não temos medo da arbitragem lá. Só temos de fazer um bom trabalho para fazermos um grande jogo. Ninguém tem medo de Itaquera. Tanto nós quanto o juiz que vai apitar vão trabalhar bem – completou Dudu.

Durante a semana, o Palmeiras emitiu nota oficial repudiando aquilo que chamou como “desrespeito” sobre o acordo da Federação Paulista de Futebol com dois de seus patrocinadores. A Crefisa e a FAM vão estampar suas marcas nos uniformes dos árbitros e arcarão com todos os custos relativos aos juízes na fase final do torneio estadual.

– Apitar já é uma pressão imensa. Agora, a qualquer erro, se for a favor do Palmeiras, é por causa do patrocínio. Se é contra, vão dizer que ele está querendo demonstrar que é imparcial. É uma covardia o que se faz com a arbitragem. As pessoas têm de ter coerência e noção da responsabilidade que têm como formador de opinião. Têm de tomar muito cuidado. Hoje você fala, amanhã volta atrás e a vida segue, mas quem paga são os jogadores, que podem ser prejudicados, e, principalmente, a equipe da arbitragem, que sofre uma pressão desumana – afirmou Fernando Prass.

Nesta segunda-feira, o elenco do Palmeiras folga, mas o pensamento de todos já está no Dérbi do próximo fim de semana. O clássico já mexe com o atacante Dudu, que prevê um bom jogo na casa do adversário.

– O time que quer ser campeão tem de enfrentar qualquer adversário. Nosso pensamento é ir lá fazer um grande jogo e nada nos atrapalhar, como atrapalhou o adversário que jogou lá. Espero que possamos fazer um grande jogo – finalizou Dudu.

Apesar da arbitragem muito ruim, Palmeiras passou pelo Botafogo-SP. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Apesar da arbitragem muito ruim, Palmeiras passou pelo Botafogo-SP. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Fonte: Globoesporte

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post