Bicampeão, Egídio espera repetir sucesso no Verdão: ‘Time unido’

Um dos 20 reforços anunciados pelo Palmeiras nesta temporada, o lateral-esquerdo Egídio, enfim, poderá engatar uma sequência de jogos com a camisa do Verdão.

Bicampeão brasileiro com o Cruzeiro (2013 e 2014) e vencedor da Copa do Brasil de 2006 com o Flamengo, o jogador espera repetir os feitos pela equipe palestrina, a começar pelo confronto desta terça-feira (12), às 21h50, com o Sampaio Corrêa, no Allianz Parque.

Ouça na íntegra a coletiva do lateral-esquerdo Egídio:

O camisa 66 negou que o longo tempo sem atuar o prejudicará nos próximos compromissos do time. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

O camisa 66 negou que o longo tempo sem atuar o prejudicará nos próximos compromissos do time. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

“O nosso objetivo, em qualquer campeonato e pela grandeza do Palmeiras, é brigar por títulos. O nosso objetivo é chegar à final e também ganhar o título da Copa do Brasil. No Brasileiro, no mínimo, queremos buscar uma vaga na Copa Libertadores, justamente pelo elenco que o Palmeiras montou”, declarou o atleta, ressaltando a importância do duelo com o rival do Maranhão.

“Será um jogo muito difícil. No primeiro jogo, nós vimos que eles têm jogadores velozes na frente. A nossa obrigação é vencer este jogo e passar para a próxima fase. Será em casa, com a nossa torcida e a grandeza do Palmeiras. Temos de jogar o máximo possível para sairmos classificados”, afirmou o lateral – a partida de ida, realizada no dia 29 de abril, terminou empatada em 1 a 1.

Devido a problemas com sua documentação, Egídio não pôde atuar pelo Palmeiras na última edição do Campeonato Paulista. Após acompanhar de perto o rendimento do clube no Estadual, o jogador fez a sua estreia no embate contra o Atlético-MG, no último sábado (09), já pelo Campeonato Brasileiro. Agora, preparado fisicamente e regularizado, o palmeirense aguarda novas chances no time titular.

“Começamos muito bem o ano, só não concretizamos com o título. O time foi bem montado, está unido e com muita alegria no vestiário. Isso é muito importante. Muitos jogadores novos chegaram, temos muita confiança neste ano para o Palmeiras”, falou. “O professor Oswaldo sabe muito bem o que faz, é experiente. O que ele decidir será o melhor para o Palmeiras. Dispensa comentários o Zé (Roberto). Se eu tiver a oportunidade, treinarei da melhor maneira possível para eu me firmar no Palmeiras”, emendou.

O camisa 66, inclusive, negou que o longo tempo sem atuar o prejudicará nos próximos compromissos do time paulista.

“Eu estava havia um mês e pouco só treinando, queria muito jogar”, contou. “Eu vinha jogando normalmente na Ucrânia. Atuei em um campeonato bem conceituado no mundo, que é a Liga da UEFA. É questão de jogar um ou dois jogos para eu voltar ao ritmo de jogo”, lembrou o palmeirense.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post