Rafael Marques mira 1ª vitória no Brasileiro: ‘Não estamos satisfeitos’

O início do Palmeiras no Campeonato Brasileiro não foi do jeito como os jogadores do Verdão imaginavam, segundo o atacante Rafael Marques.

Em busca da primeira vitória na competição nacional após dois empates (com Atlético-MG e Joinviile), o camisa 19 reconhece a necessidade de superar o Goiás, neste domingo (24), às 11h, no Allianz Parque, mas alerta sobre o bom nível dos rivais deste torneio.

“Não estamos satisfeitos com as duas primeiras partidas do Brasileiro, óbvio que queríamos vencê-las, principalmente contra o Atlético-MG, que foi em casa. A gente sabe que o Brasileiro é muito difícil e, se pegarmos os campeonatos passados e vermos as equipes que chegaram lá em cima, a gente vê que elas buscaram vitórias em casa e empates fora, no mínimo. Todo respeito ao Goiás, mas estamos trabalhando forte para que nada saia errado”, falou.

Depois do apoio incondicional da torcida palestrina durante todo o Campeonato Paulista desta temporada, o atleta conta com a força das arquibancadas para o restante de 2015. Com 11 mil ingressos vendidos antecipadamente para o duelo com o Goiás até a manhã desta quarta-feira (20), Rafael Marques também pediu a compreensão dos palmeirenses com o crescimento da equipe dentro das quatro linhas.

“A torcida está mais ansiosa pela primeira vitória, creio que ela não mudará o jeito dela. A torcida tem nos apoiado, tiveram paciência no Paulista, mesmo sabendo que a adaptação seria difícil. Sabemos que a equipe está no caminho certo, porém essa paciência tem de ter. É uma mudança grande do Paulista para o Brasileiro, muda muito. Não é de um dia para o outro. Estamos trabalhando bastante e tentando acertar os erros, principalmente”, comentou.

Em sua segunda passagem pelo clube, o atacante soma 32 jogos e oito gols pelo Verdão, sendo que, em 2015, já são 19 partidas e sete gols.

“O meu maior objetivo é ajudar o Palmeiras, independentemente de fazer gols ou não. Se for para ser campeão ou chegar aos nossos objetivos, fico até no banco se precisar. Permanecerei contente e feliz porque sou um jogador de grupo e quero ajudar a equipe da maneira que for”, declarou o jogador, agradecendo a confiança do técnico Oswaldo de Oliveira em seu futebol.

Rafael Marques concedeu entrevista coletiva na Academia de Futebol nesta manhã de quarta-feira (20). (Mídia Palmeirense)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Rafael Marques concedeu entrevista coletiva na Academia de Futebol nesta manhã de quarta-feira (20). (Mídia Palmeirense)

“80% da confiança deve ser dentro de campo, nada melhor do que trabalhar com uma pessoa de confiança, que você confie e sabe o que pode tirar da pessoa. Porém tem os 20% de saber o quanto sou profissional. Um jogador que não consegue se cuidar e não segue a linha correta dificilmente terá uma evolução. Procuro sempre me cuidar porque o ano é desgastante, e nada melhor do que estar 100%”, finalizou.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post