Prass celebra marca histórica no Verdão e afirma: ‘Muito gratificante’

O goleiro chegou ao Palmeiras em dezembro de 2012, e, rapidamente, conquistou a confiança dos torcedores com boas e decisivas atuações na meta palestrina

Sempre profissional e dedicado, o arqueiro, agora em 2015, ostenta uma marca muito importante com o manto do Verdão: com 131 partidas, o camisa 1 é o décimo goleiro com mais jogos na história da equipe verde e branca, juntamente com o ex-arqueiro Nascimento, tricampeão paulista (1932, 33 e 34), vencedor do Torneio Rio-São Paulo de 1933 e titular na goleada histórica por 8 a 0 sobre o Corinthians, em 1933.

“Em um clube de quase 101 anos e famoso por grandes goleiros, você chegar aos dez que mais atuaram já é um número para se considerar. Claro que tiveram lendas como Marcos, Oberdan, Leão, Valdir Joaquim de Morais, Velloso, Sérgio… São lendas e os números comprovam isso, mas é uma satisfação enorme entrar em uma lista de dez e com estes nomes à frente. É muito gratificante eu ficar atrás e tentar chegar perto deles”, celebrou o palmeirense, que está a dois duelos de igualar o nono colocado, Jurandyr (133 confrontos).

E, para continuar a trilhar um caminho de sucesso no Alviverde, Prass pretende prolongar o seu vínculo com o time paulista, que se encerra em dezembro desta temporada.

“Passei o que era ideal para mim e o Palmeiras passou a intenção dele. Não é uma coisa discrepante, e mostra que nós dois estamos pensando quase a mesma coisa. Claro que é impossível ter um pensamento igual, mas, em termos de ideias e valores, nós estamos seguindo uma linha bem parecida”, contou o atleta, que reforçou a sua vontade de permanecer no Verdão.

Após vitória sobre o Cruzeiro, Fernando Prass falou na Academia de Futebol. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Após vitória sobre o Cruzeiro, Fernando Prass falou na Academia de Futebol. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

“Fisicamente eu estou 100% e muito bem, não fiquei fora de nenhum treinamento neste ano. O que menos me preocupa na carreira é a parte física, mas claro que estou sujeito à lesão, mas, em termos de desgaste, eu estou muito tranquilo. Já falei para todo mundo e não é segredo, eu tenho uma vontade grande de permanecer no Palmeiras, mas claro que tem de ser uma vontade recíproca. Pelo que foi me passado, o Palmeiras tem essa vontade também”, comentou.

Por fim, Prass também discursou sobre o atual momento da equipe em 2015.

“Tivemos uma sequência de três derrotas, e agora tivemos duas vitórias seguidas. A gente não está saindo totalmente satisfeito, a gente sente que pode fazer mais. Conseguiremos consertar isso em cima de vitórias, pois, mesmo não conseguindo desempenhar todo o nosso potencial, mesmo assim conseguimos vencer. Vencemos duas equipes que são difíceis, como Flamengo e Cruzeiro”, finalizou o goleiro palestrino.

Confira a lista completa dos goleiros que mais jogaram pelo Palmeiras:

1º – Leão: 618 jogos
2º – Marcos: 532 jogos
3º – Valdir Joaquim de Morais: 481 jogos
4º – Velloso: 455 jogos
5º – Oberdan Cattani: 351 jogos
6º – Sérgio: 334 jogos
7º – Gilmar: 289 jogos
8º – Primo: 175 jogos
9º – Jurandyr: 133 jogos
10º – Nascimento e Fernando Prass: 131 jogos

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post