Com semana de treinos, Prass vê Palmeiras preparado: ‘Aproveitamos bem’

Experiente e um dos líderes do elenco, o goleiro Fernando Prass falou da importância dos dias sem partidas oficiais, que serviram como período de treinos palestrinos

Sem entrar em campo desde o dia 04 de outubro por conta das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, o Palmeiras ganhou um período a mais para aprimorar as qualidades da equipe e corrigir os erros apresentados nos últimos duelos do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil.

“Fizemos tudo o que não conseguiríamos fazer se tivéssemos uma sequência de jogos. Fizemos treinos físico, de ataque e defesa e de finalizações, que há muito tempo não realizávamos. Poderemos treinar bola parada, saída com posse de bola na transição defesa e ataque… Eram muitos jogos em sequência e o Marcelo (Oliveira) optava por fazer a recuperação, e, na véspera dos jogos, realizar uma ou outra situação tática que ele achava mais necessário. Fazia tempo que não tínhamos uma semana dessa e acredito que aproveitamos bem”, disse.

O goleiro Fernando Prass concedeu entrevista coletiva na Academia de Futebol nesta segunda-feira (12). (Cesar Gerco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

O goleiro Fernando Prass concedeu entrevista coletiva na Academia de Futebol nesta segunda-feira (12). (Cesar Gerco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Outro fator importante, de acordo com o arqueiro, foi a recuperação de alguns atletas lesionados.

“Serviu para poder trabalhar, principalmente porque estamos na reta final do campeonato. Podemos recuperar jogadores que estavam machucados, e havia equipes com muitos jogadores machucados. Veremos dentro de campo quem aproveitou melhor este período, afinal não é uma fórmula exata”, declarou o palmeirense, que aproveitou para comentar sobre a rotina de jogos na temporada.

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.

“A gente sabe que é necessário ter este tempo de trabalho. O ideal era ter uma semana com jogos de quarta e domingo e uma semana livre, pois te daria uma sequência de jogos e também um período para descansar e trabalhar. Mas não dá para negar que a adrenalina de uma competição não tem igual, ainda mais em uma reta decisiva do Brasileiro e a quatro jogos do título da Copa do Brasil”, falou.

Prass, inclusive, acredita que o Verdão deve superar os limites neste término de 2015.

“A cada rodada que passa, nós temos um jogo a menos e menos pontos em disputa. Quem conseguir largar à frente e tomar um lugar no G-4, ficará mais difícil para poder reverter. Hoje, no caso, não depende só da gente, temos de torcer por resultados que façam a gente voltar ao G-4. Teremos de torcer por tropeços dos adversários e vencermos também. Agora faltam poucos jogos no ano, então dá para fazermos uma reta final forte nas duas competições”, finalizou o goleiro, referindo-se ao Campeonato Brasileiro e à Copa do Brasil.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post