M. Oliveira exalta ‘luta’ do Palmeiras e elogia torcida: ‘Parceria maravilhosa’

Depois de abrir 2 a 0 diante do Fluminense, no Allianz Parque, o Palmeiras sofreu um gol e decidiu a vaga na grande final da Copa do Brasil nos pênaltis

Com um ótimo rendimento nas cobranças de pênaltis, o Verdão superou o adversário carioca e, agora, encarará o Santos para decidir quem leva o troféu da competição.

O técnico Marcelo Oliveira, por sua vez, gostou bastante do empenho de seus comandados.

“Hoje a luta do Palmeiras foi muito grande. Passamos pelo Cruzeiro, pelo Internacional e pelo Fluminense, que são equipes tradicionalíssimas e instituições grandiosas. Quem está chegando à final, uma hora ganhará, tem condição para isso. E, quem não chega à final, não tem condição de ganhar. Espero que seja agora”, declarou.

Marcelo Oliveira ficou satisfeito com o espírito de luta apresentado por sua equipe. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Marcelo Oliveira ficou satisfeito com o espírito de luta apresentado por sua equipe. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Satisfeito com a classificação, o comandante detalhou os momentos que antecederam o duelo desta noite.

“A expectativa da semana era de que o Palmeiras teria dificuldades porque perdeu o último jogo, e nós iríamos jogar em casa precisando de um gol. Ouvi muito a perspectiva de não passarmos, mas foi muito bom. Não demos oportunidades para o adversário. No segundo tempo, pelo Fluminense ser uma equipe excepcional, eles vieram para cima e nós tivemos dificuldades”, comentou Oliveira, elogiando os mais de 38 mil palmeirenses presentes no Allianz Parque.

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.

“Precisamos comemorar e saber que foi um jogo emocionante. O torcedor fez uma parceria maravilhosa conosco e isso nos ajudou muito. Às vezes, as adversidades chegam para nos fortalecer mais ainda. Sempre falei que não temos um time padrão, um time que o torcedor pode escalar todos os jogos porque mudamos muito, tanto é que lançamos um garoto para jogar no meio e ele, felizmente, foi muito bem”, disse.

Por fim, o treinador comentou sobre o próximo rival do Palmeiras na Copa do Brasil: o Santos.

“Todo mundo sabe que o Santos cresceu muito, é um time veloz e tem garotos bons de bola. Coincidentemente, eles são nossos próximos adversários no Campeonato Brasileiro, e estamos firmes mantendo as duas frentes. O G-4 escapou um pouco, mas a perspectiva de entrar no G-4 ainda existe”, completou o palestrino.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post