M.Oliveira exalta reforços e qualidade do elenco: ‘Bem servidos’

O ano de 2016 começou animador para o técnico Marcelo Oliveira, atual campeão da Copa do Brasil e com mais oito reforços para esta temporada

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.

O treinador vê com bons olhos o futuro do Palmeiras nas competições a serem disputadas, que são o Campeonato Paulista, a Copa Libertadores, a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro. Diante de diversas opções importantes no grupo palestrino, o comandante demonstrou satisfação com os atuais componentes do elenco alviverde.

“Está um número bom e com bons jogadores de qualidade semelhante. Isso é importante na formação de um elenco. Determinadas posições você perde jogadores no percurso da temporada pelas inúmeras competições, ainda mais os jogadores que fazem combate direto, como os volantes. Nós pensamos em substituir alguns jogadores e de forma pontual. E, até com a iniciativa do clube mesmo, nós conseguimos um número maior de contratações e está de bom tamanho, afinal temos de aproveitar os jogadores da base também”, falou.

O palmeirense ressaltou a importância das novas caras da equipe verde e branca.

“Seria cômodo para mim ter apenas um time e completar com juniores, mas, para se ganhar competições importantes, é necessário um elenco de boa qualidade. E um elenco de boa qualidade às vezes tem jogadores fora do banco, fora dos inscritos da Libertadores, mas que terão no dia a dia a mesma dedicação e importância em nosso contexto. Tentaremos montar um time bom e bem distribuído para estarmos bem servidos”, afirmou, lembrando do torneio quadrangular a ser disputado no Uruguai, entre os dias 19 e 24 de janeiro.

O técnico Marcelo Oliveira concedeu na Academia de Futebol na tarde desta segunda-feira (18). (Mídia Palmeirense)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

O técnico Marcelo Oliveira concedeu na Academia de Futebol na tarde desta segunda-feira (18). (Mídia Palmeirense)

“É importante. Nós entraremos em uma competição para jogar contra equipes sul-americanas. Talvez o tempo de treino tenha sido curto, mas a intenção é colocar o time para jogar. Toda vez que você põe a camisa do Palmeiras, você tem de entrar para vencer”, comentou. “Temos de montar um time que já tem uma base e fazer um ano com grande êxito, disputando bem todas as competições”, completou.

E esta experiência fora do Brasil pode ser fundamental para um dos objetivos do clube em 2016.

“Neste momento de preparação para começar as competições, talvez tenha esta ideia básica de que a Libertadores é o ponto principal, mas, à medida que for jogando, encararemos todas as competições da mesma forma. Isso é positivo, o jogador deve vir para cá pela tradição, pela estrutura, pelo trabalho que já realizamos, mas também pensando em ser campeão das competições, principalmente da Libertadores, que hoje tem visibilidade e credibilidade muito grande, até porque nos dá a condição de disputar o Mundial. E quem não quer disputar o Mundial?”, lembrou.

Marcelo Oliveira, por sua vez, quer um Verdão mais estável nesta temporada.

“Temos cuidado para melhorar o trabalho como um todo, e todo trabalho é possível melhorar. Mesmo que tenha conquistado, no próximo ano tem de passar aquela página e ver a necessidade de melhorar o trabalho. Nós oscilamos um pouco no ano passado, o time não foi envolvente como a gente joga. E, com este número de jogadores de boa técnica, é possível que isso aconteça o mais rapidamente e é isso que a gente espera”, finalizou o técnico.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post