Reforços se destacam e Palmeiras inicia temporada com vitória sobre Libertad

Em preparação para a temporada, o Palmeiras começou 2016 com vitória por 2 a 0 diante do Libertad-PAR, em Montevidéu, na noite desta quarta-feira (20)

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.

O triunfo garantiu a vaga do Verdão na final da Copa Antel, torneio de verão que ainda conta com os uruguaios Nacional e Peñarol, possíveis adversários na decisão.

Os gols do Verdão foram anotados pelo argentino Allione e o novo reforço Moisés, que atuou pela primeira vez com a camisa alviverde. Além dele, também tiveram boa atuação os estreantes Edu Dracena, que demonstrou segurança e experiência na defesa, e Erik, que deu a assistência para o primeiro tento da partida.

O jogo

Ainda em ritmo de pré-temporada, os primeiros minutos do duelo foram de poucas oportunidades de gol, apesar da boa movimentação das duas equipes. Com maior desenvoltura técnica, o Palmeiras foi o primeiro a ameaçar, aos 16 minutos, quando Robinho cobrou falta na área e Edu Dracena cabeceou para boa defesa de Muñoz.

Buscando equilibrar as ações da partida o Libertad apostou na forte marcação no campo de defesa palmeirense. Aos 34, Salcedo arriscou de longe, mas a bola passou por cima da meta de Fernando Prass.

Mostrando entrosamento, a equipe paraguaia voltou disposta a apertar o Verdão. Aos três minutos, Salcedo driblou Leandro Almeida na entrada da área, mas acabou chutando pela linha de fundo.

Com a possibilidade de fazer até cinco alterações durante o jogo, Marcelo Oliveira começou a modificar o time aos 18, quando Gabriel Jesus caiu no gramado sentindo dores na perna direita e Erik entrou em seu lugar. Logo em seu primeiro lance, o novo camisa 14 recebeu na grande área e bateu cruzado, exigindo boa saída de Muñoz.

Buscando uma formação mais ofensiva, o treinador alviverde fez mais três substituições: aos 20, Moisés e Cristaldo entraram nas vagas de Arouca e Alecsandro, e cinco minutos depois, Robinho saiu para a entrada de Allione.

A melhor chance do Verdão na partida veio aos 34 com Dudu, que arrancou do meio-campo até a entrada da área e, mesmo com opções de passe, preferiu arriscar um chute forte, mas a bola explodiu no travessão.

Mais intenso depois das mudanças, o Palmeiras seguiu apertando, e, aos 36, finalmente chegou ao gol. Erik fez boa jogada pelo lado direito e enfiou a bola para Allione, que, de cara para o gol, se esticou para anotar o primeiro gol alviverde em 2016. (Palmeiras 1×0 Libertad)

Allione entrou no segundo tempo e fez o primeiro gol do Verdão. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Allione entrou no segundo tempo e fez o primeiro gol do Verdão. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Aos 45, o Verdão ampliou o placar utilizando uma de seus principais armas na última temporada: o jogo aéreo. Zé Roberto bateu falta na área e Moisés desviou para o fundo das redes, carimbando a passagem do Verdão à final do torneio quadrangular. (Palmeiras 2×0 Libertad)

Escalação: Fernando Prass; Lucas, Edu Dracena, Leandro Almeida e Zé Roberto; Matheus Sales (Thiago Santos), Arouca (Moisés) e Robinho (Allione); Dudu, Gabriel Jesus (Erik) e Alecsandro (Cristaldo).

Gols

Palmeiras: Allione (36’ – 2º tempo) e Moisés (45′ – 2º tempo)

 

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post