Após empate com São Bento, Marcelo Oliveira afirma: ‘Nos cobraremos’

Mesmo atuando dentro de casa pela primeira vez em 2016, o Palmeiras não conseguiu sair do empate com o São Bento (2 a 2), na noite desta quinta-feira (04)

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Leve para sua casa uma parte da história do Palmeiras.

Agora o Verdão volta todas as suas atenções para o próximo duelo no Campeonato Paulista, diante do Oeste, no dia 10 de fevereiro (quarta-feira), às 21h45, fora de casa. O técnico Marcelo Oliveira, por sua vez, não saiu satisfeito com o placar desta noite.

“Não foi o resultado que a gente queria e que planejamos para um jogo em casa depois de uma estreia com vitória fora, perdemos a possibilidade de nos isolar na liderança. Isso ocorreu porque o time oscilou durante o jogo. Tivemos um início muito bom, o adversário pouco chegava. Construímos bastante, mas, por intranquilidade, não escolhemos a melhor jogada para fazer o segundo gol e fazer o adversário abrir de vez. Pior do que isso, nós acabamos falhando em um lance de bola parada”, avaliou.

O comandante, no entanto, sabe que o Alviverde evoluirá com o decorrer do Paulistão.

“Nos cobraremos sempre, e é assim que gira o futebol. Eu também me cobro, nos cobramos agora na oração. Não fizemos o que poderíamos fazer. Fracionamos, oscilamos em momentos bons e depois caímos também. Sabemos que podemos melhorar na sequência de jogos. Todas as equipes que vêm de pré-temporada, e às vezes enfrentam equipes que vêm treinando há mais tempo, possuem alguma dificuldade. Mas eu me cobro, nós somos todos responsáveis quando o resultado não vem, assim como todos foram com o título da Copa do Brasil”, declarou o palmeirense, que também comentou sobre a estreia do volante Jean.

Marcelo Oliveira não ficou satisfeito com a oscilação do time durante a partida contra o São Bento. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Marcelo Oliveira não ficou satisfeito com a oscilação do time durante a partida contra o São Bento. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

“Foi a primeira vez que ele jogou com o Thiago Santos, o Dudu e o Robinho. Ele não fez uma pré-temporada completa, por isso não o coloquei no outro jogo. Achei que seria um bom jogo para ele, jogando em casa com um apelo ofensivo. E ele foi bem, deu um chute para o gol. Não foi tão incisivo ofensivamente, mas rodou bem a bola. Depois foi natural que o time cansasse e eu colocasse um time mais ofensivo com o Robinho saindo de trás”, disse.

Depois de enfrentar o Oeste, o Verdão retorna aos gramados no dia 13 de fevereiro (sábado), às 17h, para encarar o Linense, no Allianz Parque, pela quarta rodada do Campeonato Paulista. Já no dia 20 deste mês, também às 17h, Palmeiras e Santos se encontram novamente, com mando palestrino, desta vez pelo Regional.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post