Reação no 2º tempo não é suficiente e Palmeiras é superado pelo Red Bull

Buscando reencontrar as vitórias, o Palmeiras recebeu o Red Bull Brasil na noite desta quinta-feira (24) no Pacaembu pelo Campeonato Paulista

Após sofrer dois gols no primeiro tempo, o Verdão evoluiu na segunda etapa e marcou com Alecsandro, mas a reação não foi suficiente e a equipe acabou derrotada pelo placar de 2 a 1.

O próximo compromisso do time alviverde pelo Estadual é no domingo (27), às 16h, diante do Água Santa, em Presidente Prudente. Na quinta-feira (31), o time volta a jogar no Pacaembu, desta vez contra o Rio Claro, às 20h30.

O jogo

Após um início de partida disputado, o técnico Cuca realizou a primeira alteração na equipe palmeirense logo aos oito minutos. Dudu sentiu dores na coxa direita e deixou o campo para a entrada de Allione.

Muito truncada, a primeira etapa teve sua primeira oportunidade de gol apenas 28 minutos, quando Allione avançou pelo lado esquerdo e tentou o passe para Erik na pequena área. A defesa do Red Bull, no entanto, conseguiu a recuperação e salvou a perigosa jogada ofensiva do Verdão.

Aos 39, Rafael Marques dominou na grande área e foi derrubado, mas o árbitro Rodrigo Guarizzo não marcou pênalti. No contra-ataque, Thiago Galhardo recebeu bom lançamento no ataque do Red Bull, avançou, driblou Prass e abriu o placar. (Palmeiras 0x1 Red Bull)

O gol do time de Campinas deixou a partida mais aberta e, três minutos depois, foi a vez do Verdão assustar. Egídio bateu cruzado, a bola desviou e sobrou para Rafael Marques, que chutou rasteiro e obrigou Saulo a fazer a intervenção.

Aos 44, em cobrança de escanteio, Galhardo cruzou para Roger, que cabeceou e ampliou o marcador em favor dos visitantes. (Palmeiras 0x2 Red Bull)

Buscando mudar o panorama do duelo, no intervalo, Cuca promoveu a entrada de Alecsandro na vaga de Jean. Aos 11, foi a vez de Erik deixar o gramado para dar lugar a Zé Roberto.

A melhor chance do Verdão surgiu aos 12 da segunda etapa, quando Egídio cobrou falta e explodiu o travessão do goleiro Saulo. Animado após o lance, o Verdão seguiu pressionando. Dois minutos depois, Robinho recebeu na pequena área e errou o chute, mas a bola sobrou para Alecsandro e o centroavante completou para as redes, anotando o primeiro tento alviverde. (Palmeiras 1×2 Red Bull)

Palmeiras acabou derrotada pelo placar de 2 a 1. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Palmeiras acabou derrotada pelo placar de 2 a 1. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Melhor no jogo, o Verdão voltou a levar perigo aos 24. Egídio bateu forte de perna esquerda e obrigou Saulo a espalmar para escanteio. Já aos 26, foi a vez de Allione penetrar a grande área e chutar firme, mas a bola foi pela linha de fundo.

Aos 38, Vitor Hugo sentiu tontura após choque de cabeça com Willian Rocha e saiu do gramado, deixando o Palmeiras com dez atletas em campo nos últimos minutos da partida.

Mesmo jogando com um a menos, o Verdão ainda teve ótima chance para empatar aos 44. Após cruzamento, Alecsandro cabeceou e Saulo espalmou. No rebote, Rafael Marques experimentou chute de esquerda, mas o arqueiro do Red Bull fez nova intervenção e garantiu a vitória ao time do interior.

Escalação: Fernando Prass; Lucas, Edu Dracena, Vitor Hugo e Egídio; Arouca, Jean (Alecsandro) e Robinho; Dudu (Allione), Erik (Zé Roberto) e Rafael Marques

Gols

Palmeiras: Alecsandro (14 – 2º tempo)

Red Bull: Thiago Galhardo (39 – 1º tempo), Roger (44’ – 1º tempo)

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post