Jean valoriza ‘mudança de atitude’ e vê equipe preparada para decisão

A dois dias de definir o futuro na Copa Libertadores, Jean sabe que a missão do Palmeiras não será nada fácil contra o River Plate-URU, na quinta-feira (14), às 21h45, no Allianz Parque

Além de vencer o rival uruguaio dentro de casa, o Verdão precisa que o Nacional-URU supere o Rosario Central-ARG, em confronto a ser realizado no Uruguai. A quantidade de gols em cima do River para a classificação às oitavas de final, porém, depende do resultado do outro duelo do grupo.

“Precisar somente da vitória já é complicado porque a Libertadores é extremamente difícil, todos os times são competitivos. Você precisar da vitória com um placar elástico acaba se tornando mais complicado ainda. Estamos preparados mentalmente, fisicamente e tecnicamente para alcançarmos este objetivo”, declarou o atleta, reconhecendo a importância de a equipe palestrina também trabalhar o lado emocional.

“Um dos adversários será nós mesmos. A nossa cabeça e a nossa mente, principalmente. A ansiedade de querer fazer os gols. Temos de lembrar que é degrau por degrau, gol por gol, não será de qualquer forma. Trabalharemos e faremos o que vínhamos fazendo, assim os gols sairão de forma natural. Não importa como sairão os gols, o importante é sair os gols. Mas claro que de uma forma desorganizada acaba deixando espaços para o contra-ataque, isso é muito perigoso”, afirmou.

Além disso, Jean não quer o Palmeiras preocupado com o placar do encontro entre Nacional-URU e Rosario Central-ARG, que acontecerá no mesmo momento do embate alviverde.

“Temos de fazer o nosso papel e confiar que as coisas acontecerão de uma forma natural para o nosso lado. Não adianta ficar preocupado com o que acontecerá nos jogos dos outros times e não fazer a nossa parte. Às vezes você fica preocupado com o outro jogo e acaba perdendo a concentração do nosso, não fazendo o nosso papel. Temos de tomar cuidado e deixar as coisas acontecerem”, falou o palmeirense.

Jean concedeu entrevista coletiva na Academia de Futebol nesta terça (12). (Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Jean concedeu entrevista coletiva na Academia de Futebol nesta terça (12). (Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação)

E, para avançar às oitavas de final da Libertadores, o camisa 17 confia na recente evolução do Verdão dentro das quatro linhas.

“A nossa postura mudou desde o jogo contra o Rio Claro, principalmente sem bola. A nossa marcação e pegada mudaram. Todos têm visto a entrega de todo o time e que os gols estão saindo. O nosso time ficou um período sem tomar gols, e acabamos tomando contra o Rosario, mas na casa deles e nós precisando da vitória. Pode ter certeza de que a gente acredita devido a esta mudança de atitude”, destacou o jogador, falando sobre a sua atual situação no clube.

“O meu momento é parecido com o do clube. Demorei um pouco para dar aquela engrenada, e consegui buscar um gol, que ajuda muito na confiança do atleta. Estava faltando o algo a mais, eu mesmo sempre me cobrava. Quando eu tive a oportunidade de jogar na lateral contra o Rio Claro, foi aí que o time cresceu e eu cresci também. Espero dar continuidade com a equipe e ter bons resultados”, disse. “Posso fazer função de volante e lateral, não tem problema nenhum. Quero ver o Palmeiras bem, o clube crescendo e as vitórias acontecendo”, finalizou.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post