Palmeiras arranca empate em Rosario e segue vivo na Libertadores

Em partida viradas e emoção até o fim, Rosario Central e Palmeiras empataram por 3 a 3 nesta quinta-feira (06), pela 5ª rodada da fase de grupos da Libertadores

Com gols marcados por Gabriel Jesus, o Verdão esteve duas vezes à frente do placar, mas levou a virada e teve que buscar a igualdade nos minutos finais com Lucas Barrios.

O resultado mantém as chances de classificação do Palmeiras para as oitavas de final do torneio continental. Para isso, o time alviverde precisa bater o River Plate-URU no Allianz Parque, em duelo marcado para a próxima quinta-feira (14), às 21h45.

O jogo

A pressão do torcedor argentino não intimidou o Palmeiras, que mostrou sua grandeza desde o início da partida. Logo na saída de bola, o Verdão aproveitou um erro de passe na defesa adversária e chegou forte para dividir com o goleiro Sosa.

Aos quatro minutos, no entanto, o camisa 12 não perdoou. Após jogada de Alecsandro e Robinho pelo meio, Musto cortou mal e a bola ficou limpa para Jesus. De frente para o gol, o palmeirense bateu com categoria na saída de Sosa, abrindo o placar. (R. Central-ARG 0x1 Palmeiras)

Com muitas dificuldades para passar pela forte marcação palestrina, o Rosario só respondeu aos 16, quando Marco Rubén recebeu cruzamento da direita e cabeceou por cima do gol de Fernando Prass.

Jogando com tranquilidade, o Palmeiras trocava passes e, mesmo ficando menos com a bola, conseguia levar perigo aos mandantes. Aos 24, Alecsandro fez ótima inversão de jogo para Jean. O lateral cruzou para a área buscando o próprio camisa 29, que arriscou de voleio e exigiu defesa de Sosa.

Três minutos depois, o Rosario voltou a atacar. Lo Celso bateu falta colocada e Prass espalmou para escanteio. Após a cobrança, Herrera desviou e Marco Rubén tentou de carrinho, mas não alcançou a bola.

Aos 32, Donatti cobrou falta rasteira de média distância, a bola desviou em Robinho e entrou no canto direito, enganando Fernando Prass. (R. Central-ARG 1×1 Palmeiras)

Seis minutos mais tarde, Lo Celso recebeu lançamento pela esquerda, driblou o marcador e bateu forte, mas Prass fez boa defesa.

A bola parada que funcionou do lado argentino também deu resultado do lado alviverde. Aos 44, Robinho cobrou falta da intermediária com muita precisão e Gabriel Jesus, na marca do pênalti, tocou de cabeça para colocar o Verdão à frente antes do intervalo. (R. Central 1×2 Palmeiras)

Ainda nos acréscimos do primeiro tempo, Lo Celso bateu infração pelo lado esquerdo e Herrera testou firme, obrigando Prass a fazer excelente intervenção, evitando um novo empate.

O Palmeiras começou apertando na etapa complementar. Aos três minutos, Gabriel Jesus apareceu em contra-ataque e bateu forte. A bola explodiu na trave. No rebote, Gabriel passou e Robinho chutou cruzado, mas Sosa evitou o terceiro gol palmeirense.

Gabriel Jesus anotou dois gols em Rosario na noite desta quarta-feira (06). (Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Gabriel Jesus anotou dois gols em Rosario na noite desta quarta-feira (06). (Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação)

Dois minutos depois, o Rosario respondeu cobrando falta com jogada ensaiada. Lo Celso tocou rasteiro para Cervi. Dentro da área, o meia tocou por cima na saída de Prass e igualou o marcador. (R. Central-ARG 2×2 Palmeiras)

Buscando dar novo gás ao ataque palestrino, Cuca promoveu duas alterações na equipe. O técnico sacou Alecsandro e Robinho, para as entradas de Lucas Barrios e Zé Roberto.

Após cobrança de escanteio, aos 21 minutos, o árbitro marcou pênalti para o Rosario. Na batida, Marco Ruben finalizou firme e anotou o gol da virada argentina. (R. Central-ARG 3×2 Palmeiras)

Aos 25, Egídio cruzou da esquerda para Edu Dracena, que apareceu livre e acertou nova bola na trave para o Verdão.

Dois minutos depois, Gabriel Jesus sofreu falta de Musto, irritou-se com o zagueiro adversário e acabou expulso pelo árbitro, enquanto o argentino recebeu apenas o cartão amarelo.

Mesmo com dez atletas, a raça palmeirense prevaleceu e, aos 31 minutos, em nova jogada de bola parada, Egídio cobrou falta na segunda trave e Barrios apareceu livre para deixar tudo igual mais uma vez no Gigante Arroyito. (R. Central-ARG 3×3 Palmeiras)

Com um a mais em campo, o Rosario ainda buscou marcar no final. A melhor chance veio aos 47, quando Fernandez recebeu a bola na área, mas Fernando Prass saiu nos pés do adversário para travar, salvar o Palmeiras e garantir o resultado final.

Escalação: Fernando Prass; Thiago Martins, Edu Dracena e Vitor Hugo; Jean, Matheus Sales, Gabriel (Lucas), Robinho (Zé Roberto) e Egídio; Gabriel Jesus e Alecsandro (Lucas Barrios).

Cartões amarelos: Gabriel, Lucas Barrios, Fernando Prass

Cartões vermelhos: Gabriel Jesus

Gols

R. Central-ARG: Donatti (32’ – 1º tempo), Cervi (5’ – 2º tempo), Marco Rubén (21’ – 2º tempo)

Palmeiras: Gabriel Jesus (4 e 44’ – 1º tempo), Lucas Barrios (31′ – 2º tempo)

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post