Palmeiras jogou apenas uma vez no Gigante de Arroyito

O Palmeiras visita o Rosario Central nesta quarta-feira (06), em partida válida pela 5ª rodada da Copa Libertadores, lutando pela classificação no torneio

Será apenas a segunda vez que o Verdão irá atuar na cidade de Rosario, na Argentina – na primeira oportunidade, há 10 anos, a equipe empatou em 2 a 2 com o time argentino.

No confronto de 2006, os dois tentos alviverdes foram anotados pelo atacante Washington, que, por essa atuação, é o líder isolado da artilharia do retrospecto geral entre Palmeiras e Rosario Central. Os outros atletas que já balançaram as redes são Cristaldo (2016), Allione (2016), Mazzola (1957), Ivan (1957), Og Moreira (1946) e Waldemar de Brito (1946).

O jogo disputado na Argentina, também no Gigante de Arroyito, como no caso desta quarta-feira (06), teve o comando técnico palestrino liderado por Leão, que escalou o time verde e branco com Sérgio; Paulo Baier (Alceu), Daniel, Gamarra, Leonardo Silva e Lúcio; Marcinho Guerreiro, Corrêa e Marcinho; Edmundo (Enílton) e Washington.

Histórico de confrontos

Ao todo, também considerando os jogos em solo brasileiro, as equipes se enfrentaram cinco vezes. Foram três vitórias palmeirenses – a última na segunda rodada do grupo 2 da Copa Libertadores, no Allianz Parque, por 2 a 0 – e dois empates. O Verdão marcou oito gols e foi vazado cinco vezes.

Contra equipes argentinas em geral, a vantagem também é alviverde: 84 duelos, com 40 vitórias brasileiras, 22 empates e 22 derrotas. Foram 155 gols anotados pelo Palmeiras e 108 tentos feitos pelos atletas do Rosario Central.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post