Matheus Sales cobra evolução para o Brasileirão: ‘Melhor em tudo’

O Palmeiras só volta a campo no dia 14 de maio (sábado), às 16h, diante do Atlético-PR, para fazer a sua estreia no Campeonato Brasileiro deste ano. Com as eliminações na Copa Libertadores e no Paulistão, o time do técnico Cuca ganhou alguns dias a mais para se preparar para a competição nacional, sendo que o discurso dos atletas do Verdão nas últimas entrevistas tem sido o mesmo: muito trabalho e dedicação.

“Precisamos melhorar em tudo, sempre temos de melhorar. Esta parada, por um lado, foi ruim por não estamos na Libertadores e no Paulista, mas, por outro, dará para o professor Cuca colocar em prática o trabalho dele”, comentou. “Temos de pensar para a frente agora, pensar no próximo campeonato, que é o Brasileiro. Temos de trabalhar bem nestes dias que a gente tem. Trabalhar o que precisar e começar o Brasileiro bem forte”, projetou.

E, de acordo com o camisa 26, a falta de partidas nestas semanas é recompensada com o convívio maior com os seus familiares.

“Eu procuro ficar esse tempo com a minha filha, levá-la para passear, no shopping… Gosto de ficar bastante com ela e com a minha família. Tenho de aproveitar esses momentos porque logo mais começa o Brasileiro e a correria de novo”, disse, brincando com a disposição da filha Julia, que tem apenas três anos. “Ultimamente está difícil aguentá-la, ela está demais (risos). Quer brincar toda hora, pular, tem muita energia e vai dormir às três horas da manhã. É complicado (risos)”, contou o palmeirense.

Matheus Sales concedeu entrevista coletiva após o treino desta quarta-feira (04). (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Matheus Sales concedeu entrevista coletiva após o treino desta quarta-feira (04). (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Bastante aproveitado por Cuca, o jovem volante também falou sobre a convivência com o treinador nos últimos dias.

“Ele gosta muito de intensidade, pegada e toque de bola. O Cuca está procurando passar tudo para a gente nestes treinamentos”, declarou. “A questão de eu ser titular ou não eu deixo para o Cuca. Procuro fazer o meu trabalho, sempre bem e forte. A opção de jogar fica nas mãos dele”, completou.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post