Palmeiras sai atrás e não consegue buscar empate contra a Ponte

Depois de sofrer 2 gols no 1º tempo, o Verdão passou o restante do jogo pressionando e buscando o empate, mas parou no goleiro João Carlos e sofreu o revés pelo placar de 2 a 1

Pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras foi até para Campinas-SP enfrentar a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, neste sábado (21). Felipe Azevedo fez os dois gols dos mandantes e Moisés diminuiu para os alviverdes na segunda etapa.

A partida começou movimentada tando pelo lado dos mandantes quanto dos visitantes. Logo aos dois minutos, Egídio cobrou falta para dentro da área e, depois da defesa alvinegra afastar, Gabriel Jesus bateu de primeira. O chute assustou o goleiro João Carlos, mas saiu por cima do travessão. Depois, foi a vez de Cleiton Xavier arriscar da entrada da área, com um chute cruzado e rasteiro que passou muito perto da trave direita adversária.

A Ponte respondeu em uma jogada rápida de Reinaldo, que lançou para Wellington Paulista. De cabeça, o atacante ajeitou para Felipe Azevedo, livre, finalizar. Mas Fernando Prass foi bem e caiu para fazer a defesa, mandando a bola pela linha de fundo.

Aos 20, foi a vez do goleiro da Macaca brilhar. Depois do cruzamento de Róger Guedes, Cleiton Xavier subiu e cabeceou com firmeza para o gol. João Carlos se esticou e impediu que o camisa 10 abrisse o placar.
O jogo era bom, as duas equipes conseguiam trocar passes com velocidade e criar chances de gol. Mas o time de Campinas foi mais eficiente e, aos 23, Ravanelli cobrou falta na cabeça de Felipe Azevedo, que subiu para colocar a bola no chão e no canto esquerdo do gol alviverde.(Ponte Preta 1 x 0 Palmeiras)

O Verdão respondeu aos 28, quando, depois de belo passe de Cleiton Xavier, Róger Guedes dominou e mandou uma bomba para o gol adversário. Mas João Carlos fez outra grande defesa e salvou a Ponte.
Aos 32, Matheus Jesus lançou Reinaldo pela esquerda. O lateral carregou até a linha de fundo e cruzou para Felipe Azevedo empurrar para o fundo da rede. (Ponte Preta 2 x 0 Palmeiras)

Antes do fim do primeiro tempo, a partida foi interrompida por conta da fumaça que veio dos sinalizadores usados pela torcida na arquibancada e invadiu o gramado.

Rafael Marques e Dudu entraram nas vagas de Alecsandro e Matheus Sales na volta para a segunda etapa. O Palmeiras tinha mais posse de bola e tentava pressionar para se recuperar no placar, porém, ainda faltava mais precisão no último passe para deixar os atacantes em boa posição de finalizar.

As alterações não tiveram o efeito desejado e, ao 16, o técnico Cuca fez sua terceira substituição: Róger Guedes saiu para a entrada de Moisés. Depois da alteração, os jogadores alviverdes trocavam passes e conseguiam se aproximar da área adversária com mais facilidade. A Ponte, toda recuada em seu campo de defesa, se defendia bem e administrava o resultado.

Aos 22, Moisés levou a melhor contra os zagueiros dentro da área e tocou para Gabriel Jesus, atrás. O camisa 33 mandou para o gol, mas João Carlos ficou com a bola. Aos 31, Cleiton Xavier encheu o pé e acertou belo chute cruzado de fora da área. O goleiro da Macaca pulou para fazer a defesa mais uma vez.

O Palmeiras continuava pressionando e, aos 39, Cleiton Xavier cobrou falta e Gabriel Jesus encobriu o goleiro para colocar a bola no fundo do gol. O lance, entretanto, não valeu pois a arbitragem marcou impedimento do atacante alviverde.

Aos 45, após cobrança de escanteio, Dudu chutou com força da entrada da área e João Carlos defendeu, mas deu rebote. Moisés ficou com a sobra e estufou a rede. (Ponte Preta 2 x 1 Palmeiras)

Palmeiras saiu atrás e não conseguiu buscar o empate em Campinas. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Palmeiras saiu atrás e não conseguiu buscar o empate em Campinas. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

O Palmeiras volta a campo pelo Brasileirão na próxima quarta-feira (25) para enfrentar o Fluminense, às 21h45, no Allianz Parque.

Escalação: Fernando Prass; Tchê Tchê, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Matheus Sales (Dudu), Jean e Cleiton Xavie; Róger Guedes (Moisés), Gabriel Jesus e Alecsandro (Rafael Marques).
Cartões amarelos: Matheus Sales, Tchê Tchê, Thiago Martins e Gabriel Jesus
Gols
Ponte Preta: Felipe Azevedo (23’ e 32’ – 1º Tempo)
Palmeiras: Moisés (45’ – 2º Tempo)

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post