A história do Palmeiras chega aos cinemas no próximo dia 22

Produzido pela Canal Azul e dirigido pelo jornalista e palmeirense Mauro Beting, o filme “Palmeiras – Campeão do Século” traz recordações inesquecíveis do clube

Com 102 anos de história, o Palmeiras coleciona diversos troféus ao longo de sua trajetória no futebol. Maior campeão nacional com 12 conquistas, o Verdão reforça novamente o seu protagonismo no Brasil em 2016, brigando ponto a ponto pela taça da atual edição do Campeonato Brasileiro. E, a partir do dia 22 de setembro, esta rica história palestrina com os seus inúmeros títulos deixará de estar presente somente na memória dos torcedores e será reproduzida nas telas de cinemas da capital paulista, de Jundiaí-SP, de Ribeirão Preto-SP e de São Bernardo do Campo-SP.

O filme exibirá desde a fundação do clube em 1914, passando pelo primeiro título, o Campeonato Paulista de 1920, até a conquista da Copa do Brasil, em 2015. Além dos momentos de glórias do eterno Campeão do Século XX, a produção também relembra os acontecimentos que fortaleceram ainda mais o Alviverde Imponente.

“São mais de 100 anos contados em 100 minutos. O Palestra Italia foi um clube que não pôde ser mais Itália nem Palestra pela intolerância do governo Vargas. O clube foi forçado a mudar de nome em função da Segunda Guerra Mundial, mas os ideais se mantiveram. O Palestra morreu líder e o Palmeiras nasceu campeão paulista em 1942”, explica Mauro Beting – o episódio citado pelo jornalista e conhecido como “Arrancada Heroica” inspira a sequência inicial do documentário.

Já os times das décadas de 60 e 70, apelidados como “Academia”, são estrelas deste grande elenco. Ademir da Guia, Dudu, Luís Pereira, Leivinha e César Maluco relembram as proezas e as partidas do elenco que representou a Seleção Brasileira em um amistoso contra o Uruguai, em 1965, e foi base da equipe nacional nos anos 70. O ex-arqueiro Oberdan Cattani, campeão do mundo em 1951 com o Palmeiras e um dos cinco homenageados com um busto no clube social do Verdão, deu ao filme o seu último depoimento antes de falecer, em 2014.

Grandes ídolos da história do Palmeiras estarão no filme dirigido por Mauro Beting. (Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Grandes ídolos da história do Palmeiras estarão no filme dirigido por Mauro Beting. (Divulgação)

O longa conta também as quedas de divisão no Campeonato Brasileiro (2002 e 2012), as saídas de nomes que fizeram história no time e a ascensão de ídolos como Edmundo, Evair, Zinho e César Sampaio, que acabaram com o jejum da equipe de 16 anos sem títulos ao vencer o Campeonato Paulista de 1993 – os três últimos, inclusive, estiveram presentes na inesquecível conquista da Copa Libertadores de 1999, ao lado do eterno camisa 12 palestrino, São Marcos.

Locais de exibição

>São Paulo
Espaço Itaú Pompeia – Shopping Bourbon (no bairro Perdizes)

>ABC Paulista
Cinépolis – São Bernardo Plaza Shopping (em São Bernardo do Campo)

>Interior de São Paulo
Cinépolis – Iguatemi Ribeirão Preto (em Ribeirão Preto)
Cinépolis – Jundiaí Shopping (em Jundiaí)

Obs.: Horários a definir de acordo com a programação do exibidor.

Ficha Técnica
Direção: Mauro Beting e Kim Teixeira
Roteiro: Mauro Beting, Kim Teixeira e Fernando Teshainer
Produção: Canal Azul
Produção Executiva: Débora Gorgulho, Marcos Okura, Renata Rudge e Sylvio Rocha
Direção de Produção: Marcela Coelho
Montagem: Fernando Teishainer
Direção de Arte: Gabriel Martinez
Trilha Sonora: Lucha Libre
Finalização: Zumbi Post
Distribuição: Conexão Cultural
Patrocínio: Rexona e Nacional Tubos
Data de realização: 2016
Duração: 100 minutos
Apoio: Ancine (Agência Nacional de Cinema), Proac, Governo do Estado – Secretaria da Cultura, BNDES, Besni, Seguros Unimed, Embracom, Adidas, Irmãos Avelinos, Brahma, UOL e Tecfil.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post