Sócios votam neste sábado para definir presidente do Palmeiras

A eleição presidencial da Sociedade Esportiva Palmeiras para o biênio 2017/2018 será realizada neste sábado (26), entre 10h e 19h, no ginásio do Palestra Italia

Atual vice-presidente na gestão Paulo Nobre, Maurício Precivalle Galiotte (chapa nº 100) será candidato único e precisa ultrapassar a marca de 50% dos votos para ser eleito o novo presidente. A posse do futuro mandatário será realizada no dia 15 de dezembro.

Maurício participará do pleito acompanhado de seus vices Genaro Marino Neto, Antonino Jesse Ribeiro, Victor Fruges e José Carlos Tomaselli. Se houver mais do que 50% de votos brancos ou nulos, a eleição será anulada e outra Assembleia Geral será convocada nas 48 horas subsequentes para, em 15 dias, proceder o novo pleito com a mesma chapa que concorreu na assembleia anterior. Caso ainda assim não haja a aceitação mínima por parte dos sócios, um novo processo de escolha das chapas deverá ser realizado.

Estão aptos a participar da votação apenas os sócios titulares com mais de três anos de clube, que estejam adimplentes e possuam pelo menos 18 anos de idade. A lista de associados aptos está disponível para consulta na recepção do primeiro andar do prédio multiuso do clube. Além disso, será necessário apresentar a carteirinha de associado ou um documento com foto.

Os sócios que estiverem com a mensalidade atrasada ou que tenham perdido o documento de identificação do clube também poderão votar. Basta procurar o posto de atendimento, que será montado próximo ao ginásio, para resolver as pendências financeiras ou retirar uma nova carteirinha. Os votos serão registrados através das urnas eletrônicas localizadas no ginásio.

Esta será a primeira vez em 32 anos que um candidato concorre a um primeiro mandato presidencial sem oposição — em 1984, Nelson Tadini Duque concorreu sozinho para o biênio 1985/1986. Já Mustafá Contursi, então presidente, foi reeleito sem adversários por duas vezes, nos anos de 1994 e 1999.

Maurício Precivalle Galiotte será candidato único e precisa ultrapassar a marca de 50% dos votos para ser eleito o novo presidente. (Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Maurício Precivalle Galiotte será candidato único e precisa ultrapassar a marca de 50% dos votos para ser eleito o novo presidente. (Divulgação)

Saiba mais sobre o candidato Maurício Galiotte

Bisneto de italianos por parte de pai e de mãe, Maurício Precivalle Galiotte nasceu em São Paulo-SP, no dia 11/02/1969. Formado em Administração de Empresas pela PUC-SP e pós-graduado em Marketing pela FAAP-SP, é casado e pai de três filhos.

Sócio do Palmeiras desde 1978, iniciou sua trajetória no clube como atleta – entre 1979 e 1987, defendeu o Alviverde nas categorias de base tanto no futebol de campo como no futsal. Em 2001, foi eleito como suplente para o Conselho Deliberativo e, três anos depois, na gestão Mustafá Contursi, eleito como conselheiro efetivo pela primeira vez.

Entre 2007 e 2008, foi diretor de Esportes Amadores da gestão Affonso Della Monica. Já entre 2009 e 2010, foi diretor social na gestão de Luiz Gonzaga Belluzzo. Desde 2013, ocupa a primeira vice-presidência na diretoria encabeçada por Paulo Nobre.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post