Dudu lamenta eliminação e muda foco para a Libertadores

Com a vitória imposta sobre a Ponte Preta, por 1 a 0, o Palmeiras se mostrou um time aguerrido, que buscou o resultado e pressionou o adversário

Mesmo com o resultado obtido no Allianz Parque neste sábado (22), pelo jogo de volta das semifinais do Campeonato Paulista, o atacante Dudu não conseguiu esconder o incômodo com o desfecho da participação do Alviverde no torneio estadual – o Verdão não disputará a fase final por conta do placar obtido pelo rival no primeiro confronto.

“Estou triste. Lutamos para ser o primeiro na classificação geral do campeonato e para jogar a segunda partida das fases decisivas em casa. Infelizmente, não conseguimos a vaga”, lamentou.

“Agora vamos esperar o jogo contra o Peñarol na quarta-feira. Tivemos um desempenho muito abaixo no primeiro jogo dessa fase, e isso pesou. Infelizmente, não conseguimos reverter no segundo jogo”, concluiu o capitão palmeirense.

Mesmo com o foco na Conmebol Libertadores Bridgestone, Dudu fez questão de agradecer a torcida pelo apoio declarado ao time nos últimos dias, referindo-se especialmente ao episódio ocorrido na última sexta-feira (21), quando centenas de torcedores se reuniram na porta da Academia de Futebol para cantar e proferir palavras de apoio moral ao grupo palmeirense.

“Temos que agradecer muito à torcida pelo carinho, pelo apoio e pelo incentivo, tanto na porta da Academia ontem, como hoje, aqui no jogo, mesmo com o Palmeiras não obtendo êxito”, disse.

O capitão alviverde ressaltou a importância da campanha na Libertadores. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

O capitão alviverde ressaltou a importância da campanha na Libertadores. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

Com mais esta vitória conquistada no Allianz Parque, o Palmeiras chegou à marca de 21 jogos invictos em casa, número que coloca este tabu positivo entre as dez maiores invencibilidades impostas no estádio em todos os tempos, ao lado das sequências obtidas entre 12/06/1921 e 18/06/1922, 10/04/1932 e 10/12/1933 e 20/01/1944 e 16/06/1946.

Na próxima quarta-feira (26), o Verdão volta a campo para enfrentar o Peñarol-URU, no Campeón del Siglo, em Montevidéu. Atual líder do Grupo 5 da competição continental, com sete pontos (duas vitórias e um empate), além do adversário uruguaio, a equipe terá ainda mais dois desafios pela frente na fase de grupos: o Jorge Wilstermann-BOL, na Bolívia, e o Tucumán-ARG, em casa.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post