Palmeiras bate Internacional e larga na frente na Copa do Brasil

O Palmeiras venceu o Internacional pelo placar de 1 a 0 na noite desta quarta-feira (17), no Allianz Parque, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil

O Verdão estreou no torneio com o pé direito, e o gol da vitória foi marcado pelo colorado Leo Ortiz, contra.

Com o triunfo, o Alviverde agora tem duas vitórias em mata-mata contra a equipe do Rio Grande do Sul em Copas do Brasil. No retrospecto geral da competição, são cinco partidas, com dois triunfos para cada lado e um empate. Além disso, o elenco palestrino chega ao 23º jogo consecutivo sem derrota no Allianz Parque.

A equipe alviverde retorna a campo contra o Internacional pela Copa do Brasil no próximo dia 31 de maio, às 21h45, no Beira-Rio. Antes da decisão, o Verdão enfrenta a Chapecoense neste sábado (20), às 19h, na Arena Condá, em Chapecó, pela 2ª rodada do Brasileirão.

O jogo

Conforme a cartilha, o Verdão começou o duelo em cima do Internacional, com investidas pelas laterais do campo. No entanto, a primeira chegada perigosa foi colorada: aos 12 minutos, após cruzamento do rival na área, Mina tentou tirar, mas mandou para trás e acertou a trave de Fernando Prass.

Já no setor ofensivo, Willian e Borja eram os mais acionados, e o jogo truncado permitiu equilíbrio entre as chances das equipes ao longo da primeira etapa: aos 26, após cruzamento de Jean, Willian tentou assustar o adversário, mas cabeceou para fora. Quatro minutos depois, em contra-ataque – uma das armas palmeirenses no duelo –, Borja tocou para Guerra na entrada da área. O venezuelano deixou o zagueiro colorado no chão e tirou tinta do travessão após chute colocado.

Se o lance de Guerra empolgou a torcida, os dois minutos seguintes foram reservados para o grito de gol: aos 32, pela ponta direita, Willian cruzou rasteiro para dentro da área em busca de Borja, mas Leo Ortiz empurrou contra o patrimônio e abriu o placar para o Verdão. (Palmeiras 1×0 Internacional)

Borja e Willian celebram o gol da vitória palestrina. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Borja e Willian celebram o gol da vitória palestrina. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

O lance diminuiu o ímpeto do time colorado, que tentava abrir o placar a todo custo com Marcelo Cirino e Nico López. Isso deixou espaços no gramado, e, aos 41 minutos, em lançamento de Dudu, Borja fintou o goleiro Daniel já perto da pequena área, mas ficou sem ângulo para a finalização e mandou pelo lado de fora da rede.

Sem alterações para o segundo tempo, o Verdão manteve o controle da partida com o placar a favor. Se na primeira etapa o Alviverde criava pela direita, o maior volume de jogadas de ataque mudou de lado na metade final do duelo: aos 11 minutos, após sobra de bola, Dudu levou a melhor na velocidade com a zaga do Inter, mas mandou por cima.

Borja continuou ativo no jogo. Aos 17, em jogada digna de armador, Mina cruzou na cabeça do atacante, que mandou para fora. Cinco minutos depois, em mais um contragolpe, o camisa 9 foi travado na hora do arremate pelo defensor colorado. A blitz palmeirense na zaga do Internacional terminou com Willian, aos 24, após soltar a bomba de fora da área e obrigar defesa elástica de Daniel.

A primeira mexida do treinador Cuca veio já na metade do segundo tempo: muito aplaudido na saída de campo, Borja deu lugar a Róger Guedes. Apesar do controle defensivo palmeirense, o Inter conseguiu chegar pela primeira vez com real perigo aos 32: após bola de D’Alessandro na área, Rodrigo Dourado testou firme para o gol, e Fernando Prass fez milagre no Allianz Parque.

Para dar sangue novo ao time, o treinador alviverde colocou Fabiano e Erik nos lugares de Willian e Guerra, também reconhecidos pela torcida em forma de aplausos. A última chance do Verdão de ampliar o marcador veio com Dudu: já nos acréscimos, o camisa 7 engatou a quinta marcha e ficou cara a cara com Daniel, mas parou no arqueiro colorado.

Escalação: Fernando Prass; Jean, Mina, Edu Dracena e Zé Roberto; Felipe Melo, Tchê Tchê e Guerra (Erik); Dudu, Willian (Fabiano) e Borja (Róger Guedes).

Gol

Palmeiras: Leo Ortiz (contra) (32’ – 1ºT)

Cartões amarelos: Erik

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post