Cuca projeta duelo com Atlético-MG e mostra confiança: ‘Eles evoluirão’

Apesar de oscilação inicial, o técnico Cuca mantém a confiança pela evolução da equipe na sequência da temporada

Depois de reestrear pelo Palmeiras com uma goleada por 4 a 0 sobre o Vasco, no último dia 14 de maio, pelo Campeonato Brasileiro, o comandante viu a equipe palestrina oscilar.

“Tenho de trabalhar, essa é a minha função. Tudo requer tempo e eu vim preparado para isso, não é simplesmente chegar, colocar 11 em campo e as coisas acontecerem”, disse. “Quando cheguei, tivemos uma grande vitória, é natural se empolgar. Aí você tira o time de um jogo em Chapecó para ter sequência na Copa do Brasil contra o Inter. Fizemos escolhas, podíamos perder com o time titular em Chapecó, vimos ontem (quinta) que o time deles é bom. Depois fizemos força e vencemos pela Libertadores, nós nos classificamos. Perdemos um clássico e aí fomos para a classificação na Copa do Brasil contra uma grande equipe. É natural que ainda não tenha encaixado um sistema, isso requer tempo”, emendou.

O palmeirense acredita, inclusive, que o Verdão pode ser ainda melhor do que foi na temporada passada.

“Quando eu falei que o time deste ano era menos forte do que o do ano passado, não foi uma crítica a ninguém, pelo contrário. Eu estou muito satisfeito com o elenco que eu tenho. Eles evoluirão, o ajuste do time melhorará e aí o time ficará melhor do que o do ano passado porque o elenco está reforçado. Não é pior ou melhor do que o time do ano passado, é um time diferente do que tínhamos. E deixaremos melhor do que o do ano passado”, falou o treinador, que comentou sobre o duelo deste domingo (04), às 16h, com o Atlético-MG, no Allianz Parque, pelo Brasileirão.

Para Cuca, Verdão pode ser ainda melhor do que foi na temporada passada. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Para Cuca, Verdão pode ser ainda melhor do que foi na temporada passada. (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

“Vejo um jogo muito igual, duas equipes muito fortes. Que a gente tenha a força do torcedor, isso pode ser o diferencial do jogo”, declarou. “O Atlético é um time com conjunto, tem maneira de jogar, com linha de quatro e dois atacantes. Eles têm jogadores de extrema habilidade e selecionáveis, além de passar bem da linha da bola, tem contra-ataque e referência. É um jogo de duas grandes equipes, tem tudo para ser um jogão”, projetou.

O Palmeiras, porém, deve ter desfalques importantes diante do Galo.

“O Dudu é muito difícil (que jogue), mas outros problemas também já estão no Departamento Médico, o próprio Jean está com problema. Temos de esperar mais um pouco, 24 horas no futebol, dentro da parte médica, é muita coisa. O jogo não é hoje (sexta-feira) e nem amanhã (sábado), muita coisa pode mudar. Temos de esperar, iremos com calma para definir depois”, finalizou.

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post