Palmeiras sofre revés para o Coritiba no Couto Pereira

O Palmeiras entrou em campo na noite desta quarta-feira (07), às 19h30 (de Brasília), em partida válida pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, para enfrentar o Coritiba

O palco do embate foi o Couto Pereira, e o Alviverde sofreu revés por 1 a 0. Com o resultado negativo, o Verdão ocupa agora a 14ª posição na tabela de classificação geral da competição nacional, com quatro pontos em cinco jogos (quatro gols marcados e quatro sofridos).

O próximo compromisso do time comandado pelo técnico Cuca será no Allianz Parque, onde a equipe está invicta há 25 jogos – a última derrota foi em 24/07/2016, para o Atlético-MG, em partida válida pelo Brasileirão. O adversário a ser enfrentado na sexta rodada do Campeonato Brasileiro de 2017 é o Fluminense: o embate será no próximo sábado (10), às 16h (de Brasília).

O jogo

O primeiro tempo ficou marcado pela atuação de um Palmeiras eletrizante nos primeiros minutos, que chegou a assustar a defesa adversária com jogadas ensaiadas e em bolas de contra-ataque.

O Verdão criou chances com Felipe Melo e Keno – que apesar do placar adverso, repetiu a boa atuação do último jogo, contra o Galo, no Allianz Parque, quando saiu aplaudido, aplicando dribles e prestando assistência aos companheiros de time.

Apesar das tentativas de Melo e de Keno, a chance mais clara de gol pelo lado do Palmeiras veio com Michel Bastos, aos 32, após receber a bola de Felipe Melo em jogada invertida e chutar forte, de pé esquerdo, de fora da área, para obrigar Wilson a agir.

O goleiro Fernando Prass foi outro destaque da primeira etapa, realizando defesas seguras das poucas vezes em que fora requisitado: destaque para falta venenosa cobrada por Tiago Real, aos 36 minutos, espalmada para a linha de fundo.

No segundo tempo, o Verdão voltou a campo sem alterações. Nitidamente superior na etapa inicial, a recíproca não foi verdadeira após o intervalo. Pelo menos nos minutos iniciais, quando o Alviverde viu a partida se equilibrar diante dos donos da casa. Em pouco tempo, o Coritiba passou a pressionar e a limitar o espaço da saída de bola do Palmeiras.

Logo aos seis minutos, o volante Matheus Galdezani aproveitou lançamento de longa distância e ganhou da defesa alviverde, pela esquerda, sendo mais rápido, e encontrando o gol. (Coritiba 1×0 Palmeiras)

Pelo placar mínimo, Palmeiras sofreu revés para o Coritiba no Couto Pereira. (Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+

Pelo placar mínimo, Palmeiras sofreu revés para o Coritiba no Couto Pereira. (Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)

Logo após o tento sofrido, o técnico Cuca não perdeu tempo e providenciou mudanças, sacando do time o volante Thiago Santos – que já possuía um cartão amarelo – para a entrada de Raphael Veiga.

Com o passar dos minutos, o Palmeiras soube lidar com a pressão imposta pelo time da casa – agora líder do campeonato – e mostrou evolução tática. A entrada de Hyoran no lugar de Egídio, aos 18, e depois com Róger Guedes no lugar de Mayke, foram outras mudanças orquestradas por Cuca na busca do resultado com um time ofensivo.

Nos minutos finais, o Palmeiras ainda pressionou o Coritiba, insistindo em jogadas perigosas –uma dela com Hyoran, que por pouco não vazou o goleiro Wilson, já nos acréscimos. A bola só não entrou porque o arqueiro interveio e impediu o tento palestrino, fazendo com que o Verdão não conseguisse pontuar fora de casa nesta rodada.

PALMEIRAS: Fernando Prass, Mayke (Róger Guedes, 38’2ºT), Antônio Carlos, Juninho, Egídio (Hyoran, 18’ do 2ºT), Thiago Santos (Raphael Veiga, 9’ do 2ºT), Felipe Melo, Tchê Tchê, Michel Bastos, Keno e Willan.

CARTÕES AMARELOS: Thiago Santos, Felipe Melo e Antônio Carlos

Veja mais

Autor: MP

Canal feito por palmeirenses e para palmeirenses. Notícias e opiniões com uma dose de arquibancada. Nossa missão é garantir informação de qualidade sobre a Sociedade Esportiva Palmeiras.

Compartilhe Este Post